O projeto Sobrevivência Policial nasceu em agosto de 2017, quando numa parceria inédita, entre o Sindicado dos Policiais Civis de Sergipe – SINPOL/SE e a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe – SSP/SE, o curso foi ministrado pela primeira vez no nosso estado, pela TESP Treinamentos. A partir desta ocasião, formou-se a maior parte do corpo docente, que se comprometeu com a disseminação desse conhecimento. Desde então, realizaram-se dez edições, que contemplaram 228 profissionais da área da segurança pública, além de alguns representantes do Tribunal de Justiça, Ministério Público e Procuradoria Geral do Estado.
O CSP é um curso voltado para a autodefesa do operador de segurança, principalmente quando não está em atuação profissional, sob o reforço de uma equipe. Esse é o grande diferencial deste curso, pois, normalmente, os treinamentos recebidos nas escolas de polícia estão voltados para a atuação policial, enquanto este prima pela defesa do cidadão, que porta uma arma de fogo, em seus momentos de folga, quando se encontra mais vulnerável. Muito mais que um treinamento operacional, o curso propõe reflexões de mudança de comportamento e oferece ferramentas que podem fazer toda a diferença entre viver ou morrer, para o policial que seja surpreendido por uma situação de violência urbana.
Apesar do ano atípico, que suspendeu todas as atividades presenciais da Acadepol, por mais de seis meses, ainda foi possível realizar três edições do CSP, tendo a 10ª Edição sido concluída no dia 18 de dezembro. Em 2021, novas turmas serão ofertadas. Estejam atentos as nossas redes sociais e ao e-mail funcional.