A Academia de Polícia de Sergipe sediou, na manhã de ontem, 30, a cerimônia de abertura e aula inaugural do Curso de Formação Inicial Técnico-Profissional de Delegado de Polícia Substituto, última etapa, eliminatória e classificatória, para ingresso nos quadros da Polícia Civil para o cargo de Delegado Substituto.

Esta etapa do concurso terá duração de aproximadamente três meses, período em que serão ministradas aulas práticas e teóricas, divididas em atividades em salas de aula, atividades extras, estágio supervisionado e palestras, para os 63 candidatos.

O Diretor da Acadepol, delegado João Batista falou sobre a importância do curso de formação para a sociedade sergipana. “O curso é importante, porque você oxigena a carreira e a instituição, e após 360 horas de curso, os profissionais estarão gabaritados para exercer a função de forma correta, honesta e profissional, como a sociedade sergipana merece” disse João Batista.

Os Cursos de Formação Inicial Técnico-Profissional de Delegados de Polícia Substituto seguem o currículo estabelecido pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça, resultando numa formação que habilita estes policiais a atenderem a sociedade sergipana de forma eficaz.

A Delegada-geral da Polícia Civil de Sergipe, Katarina Feitosa, falou sobre a importância do curso para o desempenho do trabalho de segurança no Estado. Segundo ela, é um grande dia para a Instituição, porque é mais um curso de formação importante para as carreiras da Polícia Civil. 

Homenagens

A Solenidade contou com a presença de diversas autoridades, as quais, na ocasião, foram condecoradas com a medalha do Mérito Policial Civil, mais alta honraria da Polícia Civil de Sergipe, destinada a premiar profissionais de segurança pública que tenham contribuído para o engrandecimento da Polícia Civil do Estado de Sergipe. 

Foram homenageados na cerimônia: José Batista Sacramento Filho, Antônio Evaldo Moura Aragão, Gildo Silveira Mendonça, Flamarion D’avila Fontes, Gilfran Marceliocopete Santos Mateus, Nestor Joaquim de Góis Barros, Eduardo Barreto D’avila Fontes, Deijaniro Jonas Filho, Vinícius Thiago Soares de Oliveira, Vladimir de Oliveira Macedo, Ulisses de Andrade Filho.

Para o secretário de segurança pública, João Eloy de Menezes, essa formação é fundamental para o trabalho da polícia. Segundo ele, foi uma solenidade importante, pois lembrou daqueles que fizeram a segurança pública e foram fundamentais para o crescimento da Polícia Civil de Sergipe. “O evento também é de agradecimento ao ex-secretário Flamarion Fontes e ao coronel Gildo Mendonça, pois destacou a história deles na Segurança Pública de Sergipe. A presença deles aqui na abertura desse curso dos novos delegados é de muita importância para que os alunos ao longo da sua trajetória se lembrem dessas duas figuras importantes”, disse João Eloy.